terça-feira, 17 de agosto de 2010

Música emociona!!

Não sei se todo pensa como eu, mas na cerimônia a música foi colocada em primeiro lugar. Acho que a música contribui muito para emocionar as pessoas. Em alguns momentos até mais que as palavras...

Para nós tem sido a parte mais divertida da organização. Somos apaixonados por música e ouvimos desde música celta a Lady Gaga, então o repertório é amplo!! Tentamos ao máximo escolher músicas que gostamos, que mexem com a gente, mas que também sejam conhecidas, para que também emocionem os convidados. E não foi muito fácil... Mas agora só falta decidir a música dos padrinhos, tá acabando! Ah, aceito sugestões!

Música para a cerimônia em Brasília:
* Existem três orquestras que gostamos MUITO nos casamentos que assistimos: a Tocatta, o grupo da Magda Rocha e a Sanglard. Optamos pela Sanglard porque tem um repertório extenso, tocam músicas que solicitamos e que não estejam no repertório, têm um preço razoável e a paciência e atenção do Fernando Sanglard encanta!
* Existem outros grupos também muito bons e um pouco mais em conta: Affinato, Grupo Entrada, Em Cantto e outros.

Vai aí alguns vídeos da Sanglard de músicas que pensamos, mas acabamos desistindo. As escolhidas, aguardem 18 de dezembro!


video
video
video

Todos os vídeos foram retirados do canal Sanglard, no You Tube.

Um comentário:

  1. Concordo plenamente.. música é tudo!
    Na cerimônia ou na festa! Nós não vamos contratar coral nenhum exatamente por isso: queremos muitas músicas diferentes, que não são comuns nos repertórios dos grupos.. E aqui em Goiânia tem outro porém.. eles só te deixam escolher uma música extra, além das do repertório comum, ou seja, nada feito! Vamos colocar som mecânico mesmo, mas com músicas muuuuuuuuiito emocionantes (que aliás acho mais bonitas originais do que em versões "coralísticas")..
    Ahhhh.. uma dica.. como as músicas realmente emocionam, aconselho gravar um cd com as músicas que vc escolher e escuta, mas escuta mt, decora cada parte.. pq o cérebro acostuma eu acho! heehehehhe
    pelo menos, fiz isso no casório da Kel (eu era a primeira madrinha a entrar e não queria fazer isso chorando) e deu certo!
    =)

    ResponderExcluir